Notícias

Fique por dentro!
Início » Valentão na hora de defender torturador, mimimi na hora de entregar simples exame

Valentão na hora de defender torturador, mimimi na hora de entregar simples exame

Jair Bolsonaro afirmou há pouco que vai se sentir “violentado” se for obrigado a divulgar o resultado dos exames que fez para saber se estava com coronavírus.

Vejam vocês: o valentão que defende a tortura e torturador, o valentão que critica gays, o valentão que adora comprar briga com mulheres… Esse valentão se diz “violentado” com a simples cobrança de um teste para vírus…

Deixa de mimimi, Jair! Para de desmoralizar o Brasil e a democracia!

Você já está enrolando ao não entregar o exame para o jornal “O Estado de S. Paulo”, conforme decidido pela Justiça Federal. Mas não vai dar para enrolar a Câmara dos Deputados, não. Meu requerimento, devidamente aprovado pela Mesa Diretora, já está com você aí em Brasília e é inequívoco: ou entrega O TESTE até 16 de maio (data regimental) ou estará cometendo crime de responsabilidade. Está na Constituição, artigo 50. Mais claro impossível!

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *