Notícias

Fique por dentro!
Início » Seis meses do crime de Brumadinho: uma triste página de nossa história que exige justiça

Seis meses do crime de Brumadinho: uma triste página de nossa história que exige justiça

Hoje (25/07) completam-se seis meses de uma das páginas mais tristes da história de Minas Gerais. No dia 25 de janeiro de 2019 rompeu a barragem do Córrego do Feijão em Brumadinho, um crime que ceifou 270 vidas, além de causar danos ambientais sem precedentes.

Seis meses do maior crime socioambiental do Brasil e ainda ninguém foi responsabilizado. Enquanto os executivos da Vale e Tüv Süd – empresa alemã que elaborou o laudo de estabilidade da barragem – permanecem impunes, as famílias atingidas continuam desamparadas.

É urgente que se estabeleça normas de controle mais rígidas sobre as atividades minerárias, a fim de evitar novas tragédias como as de Mariana e Brumadinho. A Câmara já aprovou um pacote de projetos que estabelece novas e modernas leis para garantir uma mineração sem ameaça à vida e ao meio ambiente.

A todos os atingidos meu fraterno abraço.  Como relator da CPI da Câmara federal que investiga o crime de Brumadinho, me comprometo a lutar para que se faça justiça e os responsáveis sejam punidos por todo descaso e gravíssimas infrações.

 

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *