Notícias

Fique por dentro!
Início » O supremo cada vez menor

O supremo cada vez menor

O SUPREMO CADA VEZ MENOR

Bastou um único editorial, unzinho só, do jornal O Globo, e a ministra Carmen Lúcia achou um jeito de agradar aos grandes poderosos. Apequenou-se mais uma vez. E da pior forma, ao menos para alguém no cargo de presidenta do STF. Em jantar com executivos da Shell, Siemens, Coca-Cola, entre outros, desandou a falar contra Lula (imagine o escândalo que provocaria na grande mídia se um único dia, unzinho só, resolvesse jantar com diretores da CUT, do MST e dos movimentos sociais em geral…).

SUPREMO, LULA, DATAFOLHA

Carmen Lúcia disse que revisar a prisão em 2ª instância “por Lula” seria “apequenar” o STF. Em primeiro lugar, não seria “por Lula”, mas pela Constituição, que de fato proíbe a prisão antes de esgotados os recursos, salvo flagrante, perigo de fuga ou continuidade do crime. Além disso, o assunto há meses está para ser debatido pelos ministros do Supremo, sem que o assunto Lula tivesse surgido no horizonte.

Mas o mais importante é recordar quem e o que, de fato, está apequenando o Supremo Tribunal Federal.

Quem apequenou o STF, ministra, foi seu voto de minerva, a favor de Aécio, que o deixa livre, leve e solto no Senado. Aécio, este sim, com provas e mais provas gravadas em áudio e vídeo, como admitem seus próprios colegas de toga.

Quem apequenou o STF, ministra, foi a senhora e seus colegas que impediram a posse de Lula como ministro, ainda no governo Dilma. E permitiram a posse do igualmente investigado Moreira Franco.

Quem apequena o STF é a senhora, ao adiantar posição de assunto jurídico em meio a convescotes com empresários poderosos, a maioria representantes de multinacionais.

Quem apequena o STF são os próprios atuais ministros, que permitiram um golpe parlamentar contra uma presidenta eleita e honesta sem fazer qualquer objeção. Ou será que a senhora vai negar o golpe que já está claro a todos?

O que apequena o Supremo, que deveria ser guardião das leis do país, é calar-se frente aos desmandos explícitos de um juiz de primeira instância, partidário do PSDB, e que não mede esforços para condenar o presidente mais popular da história brasileira. O Supremo que a senhora atualmente comanda admitiu a ilegalidade em vazar grampos telefônicos de Lula e familiares, mas não fez nada. Isso não é pequeno? Não é pequeno permitir que três juízes gastem mais de oito horas falando e condenarem uma pessoa sem apresentar uma mísera, umazinha só, prova sequer? Não vai falar nada a respeito?

A ministra Carmen Lúcia dessa forma envergonha a sua Minas Gerais e a sua Montes Claros natal. Não é à toa que o povo, ainda que isso não apareça na Globo que a senhora tanto teme e vassala, o povo cada vez mais não acredita no STF e na Justiça. Ele aumenta, mas não inventa: Justiça aqui só para pobre, preto, puta e, agora, para petista.

PS: é bom também citar que, inacreditavelmente, a senhora aproveitou o piquenique com os poderosos do dinheiro para chantagear o PT, alertando a possibilidade de desfechos negativos caso o partido continue criticando o Judiciário. Bem, eu sou deputado do PT. E mantenho as críticas, agora até com mais ênfase. Não adianta chantagear, ministra Carmen Lúcia. Isso é pequeno.

Rogério Correia,
deputado do PT

#SempreNaLuta #PovoComLula #CadêAProva?

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *