Notícias

Fique por dentro!
Início » O governador não quer ouvir o povo

O governador não quer ouvir o povo

Romeu Zema deu entrevista à TV Record e, pra variar, disparou mais uma das suas: o governador de Minas Gerais disse que “não faz sentido consultar o povo” sobre privatizações de empresas públicas do estado.

O que dizer de um político que admite que não quer ouvir o próprio povo que governa?

Para levar a cabo sua ideia de privatizar a Cemig e a Copasa, Zema quer até mudar a lei. Pois a Constituição estadual estabelece que a privatização de empresa pública mineira precisa antes ser aprovada pelos mineiros, através de plebiscito. A lei é do governo Itamar Franco e teve como relator o então deputado estadual Rogério Correia (PT), hoje deputado federal.

Impressiona a ignorância liberalizante de Romeu Zema sobre o assunto. Pois a privatização de setores essenciais da economia segue trajetória oposta em todo o mundo. Uma pesquisa feita por centro de estudos holandês revela que, apenas entre 2000 e 2017, nada menos que 884 serviços foram reestatizados no mundo. Mais: 83% deles de 2009 em diante.

Quer dizer: Zema gosta de posar como gestor moderno, mas na prática é dos mais ultrapassados. Transforma em ideologia algo que tem sido negado pelas melhores práticas econômicas mais modernas. Notadamente na Europa, as maiores economias globais há muito deixaram o fanatismo liberalista de lado e passaram a adotar mais pragmatismo na questão – o que quer dizer, em vários e na maioria dos casos, até mesmo reestatizar o que erradamente privatizou-se no passado.

Somente na Alemanha e na França já foram mais de 500 concessões e privatizações que foram desfeitas.

Zema, que pensa equivocadamente que gerir a coisa pública é como administrar uma loja privada, ignora, ou demonstra ignorar, essa tendência. Que prefira trilhar a onda da ignorância é um direito dele, embora lamentável por se tratar do governador de Minas. Mas que ao menos respeite a soberania popular.

Leia mais aqui: https://bit.ly/2FEmF3C

Rm

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *