Notícias

Fique por dentro!
Início » A lavanderia de Bolsonaro

A lavanderia de Bolsonaro

Nos últimos dias, o relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), órgão do Ministério da Fazenda, revelou movimentações atípicas de ex-assessores ligados à família Bolsonaro: o motorista e segurança Fabrício José Carlos de Queiroz e sua filha Nathalia Melo de Queiroz.

Queiroz, que também é policial militar, era lotado no gabinete do deputado estadual Flávio Bolsonaro, na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Nathalia era lotada no gabinete do deputado federal Jair Bolsonaro, o recém-eleito Presidente da República.

Queiroz movimentou 1 milhão e 200 mil reais entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017 e realizou transações bancárias inesperadas e, portanto, fora do padrão do seu perfil de cliente. Em uma dessas transações, o relatório do Coaf apontou um cheque no valor de R$ 24 mil destinado à Michelle Bolsonaro, a futura primeira-dama do Brasil, e ainda R$ 84 mil relacionados à Nathalia.

Além disso, novas análises do relatório mostraram que sete servidores da Alerj, fizeram transferências à conta de Queiroz. Em um ano, foram transferidos cerca de R$ 116.556 para sua conta.

Operação Furna da Onça:

O relatório do Coaf foi anexado pelo Ministério Público Federal (MPF) e deu origem a uma investigação da Polícia Federal, batizada de Operação Furna da Onça, que culminou na prisão de dez deputados estaduais por receberem o mensalinho da Alerj. Flávio Bolsonaro não estava entre os alvos da operação, mas, seu assessor sim.

Futuro do Coaf e do Brasil:

Após as revelações do Coaf, Bolsonaro anunciou publicamente que passará o órgão para a pasta da Justiça, sob o comando do ex-juiz Sérgio Moro. A mudança, segundo a futura equipe, faz parte das inovações de combater à corrupção.

Questionado por jornalistas sobre as informações do relatório do Coaf, Moro, que condenou o ex-presidente Lula sem provas cabais, disse que não é sua função interferir em casos concretos.

Bolsonaro e Moro, quem vocês querem enganar? Essa farsa só interessa a vocês e é um desserviço ao povo brasileiro. Enquanto estão lavando dinheiro, os brasileiros padecem mais. Sofremos com tudo isso, principalmente, com o desemprego e as políticas que só atendem os interesses do capital estrangeiro e das multinacionais. Essa politicagem serve apenas para enriquecer vocês e trazer mais miséria e desemprego para nossa população. Basta de fake news! Basta de retirar direitos dos trabalhadores! Basta de menos médicos! Basta de menos educação!

Mandato Sempre na Luta
Rogério Correia, deputado estadual
e deputado federal eleito

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *