Notícias

Fique por dentro!
Início » Investigado pelo crime de Brumadinho não comparece à CPI da Câmara

Investigado pelo crime de Brumadinho não comparece à CPI da Câmara

Mais uma vez um representante da empresa Tüv Sud se favorece de habeas corpus do STF e não comparece à audiência da CPI de Brumadinho na Câmara.

O engenheiro da empresa, Denis Rafael Valetim, cuja convocação para prestar depoimento na sessão de hoje (quinta, 04/07) foi requerida pelo deputado federal e relator da CPI, Rogério Correia (PT-MG), se ausentou valendo-se da determinação do Supremo.

“Isto tem sido, infelizmente, a prática da Tüv Sud. Os que tinham muito a esclarecer sobre laudo e declaração de estabilidade da barragem se negaram a vir até aqui, e os pouco que vieram ficaram calados, inclusive os engenheiro responsáveis”, disse o parlamentar.

A Tüv Sud foi contratada pela Vale para inspecionar a estrutura da barragem do Córrego do Feijão e garantir sua segurança.

O STF já concedeu diversos habeas corpus para que funcionários da empresa alemã não sejam obrigados a depor nas CPIs da Câmara, Senado e Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Assista e compartilhe:

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *