Notícias

Fique por dentro!
Início » Governador entrega academias ao ar livre e defende que usinas da Cemig continuem com o Estado

Governador entrega academias ao ar livre e defende que usinas da Cemig continuem com o Estado

09/08/2017

Vamos malhar? Você sabe que isso é importante, né?
Rogério Correia, deputado do PT, sabe e participou hoje pela manhã da entrega de seis academias ao ar livre, na cidade Administrativa. Elas foram possíveis graças a emendas parlamentares de Rogério que beneficiaram seis cidades do interior mineiro: Baldim, Bocaiuva, Itamarandiba, Salinas, Santa Helena de Minas e Varzelândia.
As academias vão melhorar a condição física dos moradores e foram bastante elogiadas por Rogério: “São aparelhos leves, que usam apenas a força do corpo para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. É um excelente conjunto de equipamentos eficazes em alongamentos e musculação”.

 

 

Arnaldo Honorato, assessor parlamentar representou o deputado na entrega simbólica dos equipamentos

Arnaldo Honorato, assessor parlamentar representou o deputado na entrega simbólica dos equipamentos

Governo investiu R$ 6,3 milhões de emendas parlamentares para aquisição dos equipamentos; durante solenidade, Fernando Pimentel alertou para risco de alta nas tarifas de eletricidade

 

O governador Fernando Pimentel oficializou nesta quarta-feira (9), no auditório JK, na Cidade Administrativa, a doação de 296 unidades de academias ao ar livre, que serão instaladas em 196 municípios mineiros.  Ao todo, foram investidos R$ 6,3 milhões por meio de emendas parlamentares para a doação dos equipamentos e compra de kits de material esportivo.

Fernando Pimentel destacou em seu discurso a importância da parceria com os deputados estaduais para conseguir atender à população em todas os Territórios de Desenvolvimento. “Essa é a verdadeira democracia. Porque você faz de forma transparente, utilizando o orçamento público com o melhor propósito, que é ajudar os municípios. Esta entrega aqui hoje simboliza o enfrentamento da crise pelos mineiros e pelas mineiras. Não é mérito de ninguém individualmente, mas é mérito de todos nós. Minas está enfrentando a crise e está ajudando o Brasil a sair dela”, afirmou.

Fernando Pimentel ainda destacou o clima de harmonia entre os Poderes, que está permitindo ao Estado avançar nas políticas públicas. Pimentel destacou, por exemplo, a entrega de ambulâncias no início da semana e a realização dos Fóruns Regionais.

“Nós conseguimos estabelecer em Minas Gerais – e isso é mérito de todos nós, não é do governo nem do governador – um ambiente de harmonia entre os poderes. Então, temos de valorizar a democracia, porque se hoje se as coisas estão complicadas, o caminho para simplificar e para sair da crise necessariamente passa pela democracia, pela atividade política, pela representação popular. Temos de valorizar quem tem voto”, disse.

Cemig

Em seu discurso, Fernando Pimentel ressaltou a luta do governo para manter a concessão do uso das usinas de Jaguara, São Simão e Miranda pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). Na terça-feira, (8), o governador esteve, juntamente com o presidente da Assembleia Legislativa, Adalclever Lopes, além de deputados estaduais e lideranças mineiras, em Brasília, para uma audiência com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, responsável pelo processo que a Cemig move contra a União.

“Essas usinas, juntas, significam 50% da geração de energia da Cemig e nós estamos correndo o risco de perdê-las, porque o governo federal entendeu que não pode prorrogar o prazo da concessão para a Cemig. A União quer tomar as usinas e fazer um leilão. Isso vai ter um impacto terrível na economia mineira, porque não é só perder a operação das usinas que hoje a Cemig faz, é pior do que isso, pois o investidor que comprar vai ressarcir o custo na conta de luz. Então, esse preço vai ser repassado para a tarifa de energia elétrica que os mineiros e mineiras pagam, e que pode ficar três vezes mais cara”, afirmou.

O julgamento do caso no STF está marcado para o dia 22 de agosto. “A gente tem esperança de paralisar esse processo de leilão e negociar com a União a permanência dessas usinas com a Cemig. É uma luta que hoje é de todos os mineiros”, finalizou.

Anúncios

Durante o evento, também foram assinados três despachos governamentais. O primeiro deles determina à Secretaria de Estado de Esportes que capacite os municípios e demais interessados quanto à lei do programa Minas Esportiva Incentivo ao Esporte.

Outro despacho determina o repasse de R$ 800 mil para o investimento no programa. Pimentel também assinou o termo de lançamento do novo portal do Observatório do Esporte (www.observatoriodoesporte.mg.gov.br), que atuará como ferramenta de promoção e acesso às informações que incentivem o diálogo entre os agentes dos setores público, privado e sociedade civil, facilitando a prática de esportes e atividades físicas em Minas Gerais.

Ainda foram anunciados editais para seleção de projetos de promoção e fomento do esporte e da prática de atividade física em Minas Gerais. Os interessados poderão acessar as informações e as novidades desses editais no site da Secretaria de Estado de Esportes.

O secretário de Esportes, Arnaldo Gontijo, valorizou o empenho do governo para aumentar os espaços públicos para a prática de atividades físicas. “O objetivo dessas ações é não só incentivar a pratica esportiva, mas também combater o problema que temos hoje com o sedentarismo. A gente sabe que a prática esportiva, fomentando a atividade física, traz mais saúde e felicidade para o povo mineiro”.

Os kits de material esportivo entregues às prefeituras, também durante o evento, são compostos por jogos de camisa e coletes; bolas de futebol de campo, futsal e vôlei; redes para futebol de campo, futsal, vôlei e troféus. No total, foram empenhados R$ 1.005.000,00 em emendas parlamentares para esta primeira entrega. Somando-se as academias e os kits, 280 municípios foram contemplados, sendo 272 prefeituras e oito entidades.

 

Representantes das cidades contempladas pelas emendas


Academias

A instalação das academias ao ar livre nos municípios mineiros tem como objetivo oferecer à população locais de atividades esportivas e práticas corporais acessíveis. No conjunto de equipamentos de ginástica, estão simuladores de caminhada, esqui e cavalgada, além de bancos para exercícios para as pernas e braços.

Módulos com sete equipamentos e uma placa de orientação estão em instalação nos 17 Territórios de Desenvolvimento, por meio de convênios e termos de doação do Governo de Minas Gerais, através das secretarias de Estado de Governo e de Esportes, com as prefeituras.

O prefeito de Pains, no Território Oeste, Marco Aurélio Rabelo, representou os prefeitos na cerimônia e destacou a importância das entregas e elogiou gestão participativa do atual governo como um diferencial para priorizar as demandas da população.

“A forma como o governador tem conduzido o nosso estado, ouvindo as pessoas, indo em todas as regiões e compartilhando com o cidadão os problemas do governo, é um exemplo de gestão no país. Nos pequenos municípios, uma academia como essa melhora consideravelmente a qualidade da vida e motiva às pessoas”, disse.

Fonte: Agência Minas 

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *