Notícias

Fique por dentro!
Início » Deputado inclui mais um recurso contra Dallagnol enviado à PGR e ao CNMP, por não denunciar Messer, o “doleiro dos doleiros”

Deputado inclui mais um recurso contra Dallagnol enviado à PGR e ao CNMP, por não denunciar Messer, o “doleiro dos doleiros”

O deputado federal Rogério Correia (PT-MG) incluiu mais um adendo ao seu recurso contra o procurador Deltan Dallagnol, pedindo seu afastamento do posto de procurador-chefe da Lava Jato e abertura de Processo Administrativo Disciplinar, enviado à Procuradoria-Geral da República (PGR) e ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Reportagem do portal UOL de hoje (segunda, 09/12) destaca que Dario Messer, o “doleiro dos doleiros”, é investigado desde a década de 1980 por suspeitas de operações financeiras ilegais e de que seu nome teria aparecido vinculado ao que é considerado um dos maiores escândalos de lavagem de dinheiro do país, o do Banestado.

Essa relação foi investigada pelo MPF-PR, e por procuradores que hoje fazem parte da Lava Jato, contudo o “doleiro dos doleiros” nunca foi denunciado por estes procuradores. Tempos depois, já em 2015, quando as operações viraram um processo criminal, o MPF-PR sob alegação de dúvidas sobre sua culpa pediu sua absolvição.

No dia 02/12 o jornal Folha de São Paulo mostrou os diálogos de Messer com sua namorada, dando conta de pagamentos mensais ao procurador Januário Paludo, em conversas obtidas pela PF do Rio de Janeiro, ocorridas em agosto do ano passado.

O adendo, assinado por Rogério Correia foi enviado à PGR e ao CNMP nesta segunda-feira 9 de dezembro.

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *