Notícias

Fique por dentro!
Início » Atenção: candidato a delator desiste após morte de miliciano

Atenção: candidato a delator desiste após morte de miliciano

Mais uma evidência de que o assassinato do miliciano Adriano da Nóbrega foi queima de arquivo e, pior, pode ter servido como recado geral a quem quer queira denunciar o esquemão dos Bolsonaro com a chamada rachadinha e outros crimes.

O recado foi dado. Segundo a revista Veja, um dos milicianos que tinha intenção de fazer delação premiada já desistiu. E não esconde de ninguém que a mudança de ideia se deve ao assassinato de Adriano.

É uma história que promete elucidar muita coisa. Estamos de olho e não vamos nos calar.

Leia mais: http://bit.ly/37rzvKw

Cadastre-se e receba o conteúdo especial que preparamos pra você!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *